Número total de visualizações de página

6 de janeiro de 2011

BMW R10 1954

Apesar da BMW ter o hábito de documentar bem o orgulho que tem nas suas máquinas, quase todas case-studies, a verdade é que de um protótipo de scooter que está exposto num dos seus museus no sul da Alemanha muito pouco é conhecido. Tenho a agradecer a dica do Nuno Feliz que me falou desta scooter e que ainda por cima é o culpado da Heinkel andar no mundo da música.
Existem quatro exemplares desta máquina e tratava-se da resposta da marca ao sucesso que as scooters granjeavam então um pouco por todo o mundo. Tendo a  Zundapp, na altura uma série concorrente da Bmw, criado a gama Bella e a Heinkel aparecido com as Tourist, a Bmw decidiu avançar com um projecto seu, a R10. Esta seria uma evolução de um outro protótipo de uma mota BMW  "ascooterada"  com jantes de raios de 16'' e motor de 175cc a quatro tempos.
Com um design claramente mais inspirado nas Heinkel que nos modelos italianos e equipada com um motor de 200cc monocilindrico a quatro tempos, possivelmente baseado no da Bmw R25, desenvolvia 7hp ás 5500 rpm, tinha 3 velocidades controladas por pedal, pesava 138 Kg e a sua velocidade de ponta rondaria os 95kms/hora. A suspensão da frente era monobraço. Desconheço os motivos exactos da BMW para ter decidido não avançar com a produção em série da R10, mas a marca então voltou as atenções para o mini carro Isetta, também ele quase um clone do carro Heinkel. Coloquei-lhes a questão, mas aparentemente ainda não tiveram tempo para me responder!
Deliciem-se:
BMW R 10 Scooter Prototype, 1-cyl, 197 ccm, 7 PS, 1954




2 comentários:

  1. Pois, eu desconhecia que a BMW tinha sequer idealizado uma scooter, até me deparar com uma num pequeno (no tamanho, mas grande no conteúdo) museu, na estrada de Lleida para Andorra http://www.museumoto.bassella.com/en/

    Se bem que a que fotografei e enviei é ainda mais parecida com a Heinkel, pois não tem o adereço na ponta do guarda-lamas.

    Continua o excelente trabalho.
    Nuno Feliz

    ResponderEliminar
  2. Pelos vistos em Munique têm uma certa tendência para fazer scooters raras. A menos rara de todas ainda é a C1 :)
    Quanto a esta R10, grosso modo: do avental para trás é uma Tourist. Do avental para a frente é uma Terrot (vai lá ver o catálogo do MUDE) :)

    Abraço,
    Vasco

    ResponderEliminar